top of page

Título

Vozes do punk

 

Autores

Aristides Oliveira, Dante Galvão, Eduardo Djow

 

Apresentação

Ser punk em Teresina nos anos 80/90 era andar de preto debaixo do Sol, enfrentar o conservadorismo dos pais e do provincianismo capenga da Tristeresina. Ir para os shows a pé quando não tinha grana para pegar ônibus, se reunir nas praças e trocar referências musicais, combinar de ouvir
som na casa dos amigos, participar dos protestos no Sete de Setembro ou nas reivindicações urbanas mais urgentes em qualquer época do ano, invadir o Palácio de Karnak (sede do governo) e enfrentar a polícia contra a péssima gestão excludente nas áreas de habitação e transporte.
Ser punk em Teresina era se reunir aos domingos para debater textos anarquistas e planejar ações de conscientização política; gritar no palco de uma cidade presa ao regionalismo “voz e violão”; ocupar a Vila Irmã Dulce (para garantir terras às pessoas que não tinham casa para viver com dignidade); manter contato com bandas e coletivos de outros estados e países, se integrando na rede mundial analógica de informações, atualizando-se e firmando posição além das nossas fronteiras.
Este livro apresenta às leitoras e aos leitores um conjunto de vozes que são sensíveis às questões políticas, estéticas e sociais. Também revela os aprendizados em torno da vivência com a música e a filosofia punk no Piauí, mostrando que somos parte de um panorama musical integrado ao país.
Vozes do Punk abre possibilidades de pesquisa sobre o tema e estabelece uma clareira com histórias de vida para a compreensão das agitações e lutas de uma galera que marcou (e marca!) sua força no underground brasileiro.

 

Formato

14x21cm

 

Número de páginas

240

 

ISBN

78-65-5380-134-9

 

Sobre os autores

Aristides Oliveira é professor da Universidade Federal do Piauí, pesquisador independente nas áreas de música, cinema e cultura brasileira nos anos 70. Editor da Revista Acrobata. Autor dos livros Dos impasses democráticos à hecatombe Bolsonaro (Cancioneiro, 2023), Asseclas na cena rock em Teresina (Cancioneiro, 2021), Chakal! (Cancioneiro, 2021), Adão e Eva do Paraíso ao Consumo (Org., Quinta Capa, 2019), Jomard Muniz de Britto: professor em transe (CEPE, 2017), Jomard Muniz de Britto e O Palhaço Degolado (EDUFPI, 2016). Foi roteirista e diretor dos documentários Asseclas à procura de Identidade (2020) e Sem Palavras (2010). Atualmente está lendo e escrevendo sobre historiografia piauiense.


Dante Galvão foi vocalista da banda de hardcore Anarcóticos. É professor de história e sociólogo. Servidor público, trabalha com políticas de educação para populações camponesas e quilombolas.


Eduardo Djow é criador da página Piauí Punk (Instagram) e vocalista da banda Miséria HC. Responsável pelos eventos de punk-hardcore que acontecem na cidade de Teresina como Arraiá da Desgraça, Piauí Punk Festival, União Underground, entre outros.

Vozes do punk

R$ 45,00Preço

    Títulos semelhantes